8 de novembro de 2018

DVFLIX lança ferramenta para bater de frente com as plataformas digitais


A DVFLIX acaba de lançar no mercado uma ferramenta que promete bater de frente com o YouTube e as plataformas digitais como a Deezer e Spotify: O Card DVFLIX. Ele consiste em um produto que permite ao usuário ouvir músicas e assistir a vídeos no smartphone e em computadores. 

Mesmo em um momento de franco crescimento do mercado de streaming - o Brasil está entre os dez maiores mercados globais e movimentou U$295,8 milhões em 2017, com crescimento de 17.9% em relação a 2016 - esse crescimento esbarra em alguns fatores. Um álbum físico ainda tem a força de um cartão de visitas no mercado da música. Serve como gancho para o aparecimento do artista na mídia e aumenta a receita, principalmente dos novos nomes.

“Trouxemos de volta para o cenário a possibilidade de vender e divulgar o trabalho dos artistas pelo meio físico. Queremos que as pessoas voltem a saber informações do CD, como a equipe técnica que participou do projeto”, conta Farley Arruda Cruz, CEO da DVFLIX.

O card DVFLIX tem capacidade para 80 minutos de conteúdo, seja música, ou vídeo. Ele também permite a inserção de várias lâminas e fotos, letras e cifras das músicas, espaço para relacionamento com fãs e um sistema que evita a pirataria e o compartilhamento. O sistema fornece informações do usuário, que se cadastra,  para o artista. Dessa forma, é possível saber quantas pessoas acessaram o material, de onde são e seguir se relacionando com os fãs nos lançamentos seguintes. 

“Em uma plataforma digital, se a música estoura, na próxima divulgação o esforço precisa ser maior ou, no mínimo, igual. Na DVFLIX, o relacionamento continua. Basta enviar novos singles para quem já baixou o conteúdo”, conta Arruda.
Um dos alvos é o mercado cristão, que ainda possui uma alta demanda por produtos físicos para levar a viagens missionárias e shows. De acordo com a Associação de Empresas e Profissionais Evangélicos (Abrepe), a música gospel responde hoje por 20% do mercado fonográfico nacional. São R$ 2 bilhões por ano movimentados em vendas de CD´s e DVD´s – produto que cresce 33% ao ano e vende 500 milhões de exemplares por meio de 4,5 mil cantores e bandas.


"Sabemos que não apenas o gospel se beneficiará com a DVFLIX, já que o produto permite a gravação em cards de palestras, conferência e, em breve, e-books”, adianta o CEO. Arruda ainda destaca que o Card DVFLIX aumenta a remuneração para quem produz o material. “Nossa via é de duas mãos. Não só a plataforma que ganha, mas o artista também”, finaliza.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, critique, elogie!
Sua opinião é importante para nós
Shalom Adonai



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...