Confira os novos clipes de Jozyanne

Dois anos após lançar seu primeiro trabalho pela Central Gospel Music – o CD Meu milagre – a cantora Jozyanne apresenta ao público o CD Esperança. Gravado ao vivo na Assembleia de Deus Vitória em Cristo em Vilar dos Teles, no Rio de Janeiro, com produção de Josué Lopez, irmão da cantora, o álbum marca um momento especial para Jozyanne após superar um drama em 09 de maio do ano passado ao ser diagnosticada com lúpus, doença autoimune rara, mais frequente nas mulheres do que nos homens, em que o sistema imunológico passa a atacar o próprio organismo e Jozyanne teve problemas nos rins.

Apesar do problema, a cantora encontrou na dificuldade a experiência para o novo trabalho. “Aquela enfermidade fez com que eu olhasse e falasse assim: ‘Realmente Deus tem algo a me ensinar nesse momento    e eu não vou perder a minha esperança”, explicou a cantora em vídeo publicado no canaldo YouTube da Central Gospel Music. Dando sequência ao estilo pop-pentecostal que lhe é característico, o repertório formado por 13 canções traz também canções de adoração que prometem agradar a todos os públicos.

Mostrando cada vez mais aprimoramento nas produções, Josué Lopez caprichou nos arranjos de cada faixa com destaque para Ao som do teu louvor que narra a passagem bíblica em que Davi tocava harpa para que Saul fosse liberto do espírito mau que o oprimia. “Eu visualizei aquela trilha sonora daquela cena e a gente fez a introdução com uma harpa. Ficou muito legal porque nunca tinha gravado com harpa e um diferencial desse trabalho é a inovação com instrumentos que nunca usei em outros”, explicou o produtor.

Em outro vídeo divulgado pela gravadora, é possível conferir um pouco das 13 canções que, além das faixas inéditas escritas por nomes como Junior Maciel e Josias Teixeira, Tony Ricardo, Gislaine e Mylena e Vânia Soares, traz a regravação de Rendiçao, escrita por Amaury Bertoqui e gravada anteriormente por Ministério Hebrom e Bruna Olly, e a versão de Tu mirada (Teus olhos revelam) de Marcos Witt e já gravada por Ronaldo Bezerra e Ministério Declararei.


Escolhidas como primeiras músicas de trabalha do disco, Se eu não conseguir falar, talvez uma das mais belas do CD Esperança, e Ao som do teu louvor, ganharam clipes dirigidos por Vlad Aguiar. A primeira foi baseada no testemunho da cantora e é notória a emoção na voz da intérprete e já tem sido bastante elogiada por público e crítica. O vídeo intercala imagens dramatizadas e cenas da cantora ao ar livre e alguns momentos da gravação do CD e lembra um pouco o clipe Meu milagre que se baseou no drama pessoal vivido pelo cantor Dayan de Alencar que superou um câncer.


 Já o clipe de Ao som do teu louvor investiu mais na performance da artista com os músicos com destaque para o harpista e o naipe de cordas em um visual incrível na rampa de voo livre no Parque São Vicente, localizado na cidade de Petrópolis, na região serrana, e com destaque para as paradinhas dos músicos durante o clipe.


Você já pode adquirir o CD Esperança no iTunes e também no site da Editora Central Gospel. Para saber mais sobre a cantora, acesse o site www.jozyanneoficial.com.br.

Read more

Ana Nóbrega grava “CD e DVD Não me deixes desistir”

Ana Nóbrega gravou primeiro DVD da carreira | Fotos: Carlos Dasmer
A noite do último sábado (06) foi a data escolhida para a gravação do novo trabalho da cantora Ana Nóbrega intitulado Não me deixes desistir, que será lançado em CD e DVD pela gravadora Som Livre. O local escolhido foi a Igreja Unidade em Cristo, localizada na Ilha do Governador, na zona norte do Rio de Janeiro, durante a 4ª Conferência Unidade Jovem.

O trabalho retrata a nova fase vivida pela cantora que, após quatro anos morando em Belo Horizonte e servindo junto ao Ministério de Louvor Diante do Trono, mudou-se com o esposo Dvaldo Nóbrega para o Rio de Janeiro para juntos cumprirem o chamado de Deus em suas vidas e ministérios.

Não me deixes desistir trará composições já conhecidas do público como Porque estás comigo e Nada temerei que fizeram parte do primeiro trabalho de Ana pela Som Livre lançado no ano passado, além da canção Glória, onde interpretou, ainda quando estava no Diante do Trono. O álbum ainda conta com as versões de Oceans (Oceanos) e Wake (Desperta), do Hillsong United.


A noite de gravação foi marcada pelo despertar de uma geração baseada na verdade de I Samuel 7.12 – Até aqui no ajudou o Senhor – frase que tem acompanhado a cantora nesse novo tempo ministerial. A ocasião ainda contou com a presença do Ministério Trazendo a Arca que são membros da Igreja Unidade em Cristo. Luiz Arcanjo, vocalista do grupo, fez um dueto com Ana Nóbrega na canção Senhor, desperta-me.

O repertório ainda contou com um solo da cantora Arieta Magrini na canção Ao Único, além da canção Quanto a mim ministrado por um quarteto formado por Ana Nóbrega, Roberta Izabel, Tião Batista e Arieta Magrini. Seguindo o estilo louvor e adoração, a gravação também teve um momento especial durante a canção Eu navegarei, que trouxe um mover de avivamento e liberdade do Espírito Santo que se tornou mais forte quando Ana profetizou palavras de cura sobre a vida dos presentes.

Bastante entusiasmada com o novo projeto, Ana Nóbrega conta o que a motivou a gravar esse CD e como Deus tem falado ao seu coração com base no texto de I Samuel 7. “Quando estamos nos posicionando em busca de algo novo de Deus sempre há algo que se levantará para nos parar. O Senhor pelejou contra os inimigos do povo de Israel e não será diferente conosco. Então, todas as vezes que algo se levantar para tirar o seu foco da presença de Deus, o Senhor dará ordem aos seus anjos para te ajudar. E sempre que você se sentir afrontado e desencorajado, lembre-se de como o Senhor, com Seu braço poderoso, te ajudou. Até aqui me ajudou o Senhor”, finaliza Nóbrega.


Ana Nóbrega aproveitou para falar sobre seu desligamento junto ao Ministério Diante do Trono e com palavras de gratidão e carinho fala sobre sua ex-líder Ana Paula Valadão: “Foram quatro anos que caminhei com homens e mulheres de Deus e vou carregá-los em meu coração. A Ana Paula Valadão sempre foi tão generosa e Deus colocou em minha vida para me ajudar”.

O CD e DVD ainda não têm data certa para serem lançados pela Som Livre, mas você pode acompanhar as novidades o ministério de Ana Nóbrega através das redes sociais e do site www.ananobrega.com.br.

Read more

“Uma trajetória de trabalho”, biografia de Arolde de Oliveira chega às livrarias em setembro

Arolde de Oliveira e Eraldo Montenegro | Fotos: Raphael Teodoro
Um sorriso escancarado dava as boas-vindas a todos que entravam no local. Com braços abertos os recebia como amigos de longa data. Com um olhar vibrante mirava cada rosto presente ao redor da mesa. Todas estas coisas emanavam de um homem que, aos seus 77 anos, orgulhoso de seus feitos, assim como uma criança mostrando seu brinquedo novo.

Assim era o Deputado Arolde de Oliveira no pré-lançamento da sua biografia Arolde de Oliveira: uma trajetória de trabalho, organizado pelo professor Eraldo Montenegro. “A existência do personagem é a base. Ele é um homem voltado para o trabalho”, diz o organizador do livro ao explicar o subtítulo.  Eraldo e Arolde se conheceram no norte do país em uma das mais variadas fases da vida do atual Deputado.

O livro traz histórias da vida de Arolde desde o começo no serviço braçal agropecuário até a câmara federal, passando pelo oficial militar, o engenheiro de telecomunicações e o empresário. “O meu trabalho foi organizar da forma mais honesta possível a vida de Arolde”, explica o professor.

Sobre o processo de criação, Eraldo alega que foi como reproduzir um bate-papo que começou em 1970. “Teve uma passagem que assim que pensamos a biografia não poderia ficar de fora em momento algum que está na página 63, que foi a idealização do projeto de telecomunicação do norte do país: ‘E se fez ouvir a voz do norte!’”, declara.

Em meio a tantas realizações, Arolde afirma que sua família é o seu maior feito. “Já sobre vocação, sou engenheiro”, admite o deputado. Já Eraldo aponta que não existe uma ordem cronológica que faça a transição entre o Engenheiro e o Deputado. “Não dá para saber. É algo híbrido”, afirma.

A biografia tem 149 páginas e é dividia em cinco capítulos que relatam os momentos de alegria e tristeza, luta e superação, conquistas e derrotas de Arolde de Oliveira. O livro traz ainda depoimentos de amigos e familiares que acompanharam de perto a construção da carreira. “A intenção é de quem venha a ler, conheça um pouco mais dessa história vencedora”, explica Cristina Xisto, diretora da MK Music.

Arolde de Oliveira: uma trajetória de trabalho chega às livrarias pela Editora Novos Frutos em setembro, mas ainda não tem uma data definida de lançamento. “Essa leitura é importante para desmistificar a percepção das pessoas. Elas estigmatizam pela primeira impressão é a levam pela vida toda. O objetivo da biografia é mostrar todo o caminho até chegar ao ponto que as pessoas conhecem”, declara o deputado.

Read more

“Para vivermos aquilo que Deus sonhou para nós é necessário darmos o primeiro passo”

Formada por Kristian Cavalcanti (vocal), Marlon Costa (teclado), Daniel Portella (guitarra), Luan Gomes (bateria) e Ismael Pain (baixo), a Banda Primeiro Passo surgiu em 2010 no Espírito Santo com o intuito de alcançar a juventude da região e aproximá-la dos caminhos de Deus. Com fortes influências do estilo pop, a banda lançou seu primeiro trabalho em agosto de 2010 – o CD A Força do Teu Amor – que consagrou a Primeiro Passo entre as pessoas. Maduros e cada vez mais compromissados com o chamado de Deus, eles começaram a produção do segundo disco no final de 2012 que trouxe um perfil mais autoral se comparado ao anterior, mas, antes mesmo de finalizar o álbum, eles foram surpreendidos pela indicação ao Festival Novas Promessas que aconteceu em Belo Horizonte (MG) em 2013 e foi uma verdadeira vitrine para que mais pessoas conhecessem o som desses capixabas.

Agora em 2014, Kristian e toda sua trupe lançam o CD Um novo dia com participações de Anderson Freire (amigo de longa data) e o rapper Malom Meireles. Envolvidos com o lançamento do novo disco, a Primeiro Passo conversou com o Gospel no Divã e contou mais sobre o ministério e mostram que não é só música que faz a banda ser o que é. Eles ainda encontram tempo para fazer um trabalho social e mudar a realidade dos que estão à volta.

Fotos: Divulgação
1. Como e quando começou a banda Primeiro Passo? Essa é a formação atual desde o início?
A Primeiro Passo nasceu em 2010, no sul do Estado do Espírito Santo, a partir de um desejo gerado no coração do nosso tecladista e produtor musical Marlon Costa que via a necessidade de criar um ministério que aliasse boa música e letras marcantes e que atingisse, sobretudo, a juventude de nossa região que naquele momento se mostrava distante dos propósitos de Deus. Ao longo dos quase cinco anos de banda, Deus foi direcionando quais seriam os integrantes que, hoje, com mais maturidade, iriam continuar este projeto. Portanto, houve algumas mudanças na formação da banda ao longo dos anos. Atualmente, fazem parte da Primeiro Passo o vocalista Kristian Cavalcanti, o tecladista Marlon Costa, o guitarrista Daniel Portella, o baterista Luan Gomes e, no baixo, Ismael Pain.

2. Como os integrantes se conheceram?
Todos nós já trabalhávamos como músicos antes de iniciarmos o projeto da Primeiro Passo. Então, nossos pontos de encontro sempre eram os púlpitos, palcos e estúdios da vida. Já tocávamos juntos em algumas oportunidades antes da Primeiro Passo.

3. O tecladista Marlon Costa se frustrou várias vezes até conseguir realizar o sonho de formar uma banda. Diante de tantas frustrações, o que motivou a não desistir?
O chamado de Deus. Só quem é escolhido para esta obra e que, um dia, ouviu Deus sussurrar aos seus ouvidos o seu chamado sabe que não dá para fugir da responsabilidade. Deus nos escolheu, nos chamou para que fôssemos referências para muitos jovens de nossa região e de todo o Brasil. Deus nos capacitou, nos concedeu canções que, hoje, estão sendo instrumentos de transformação na vida de muitas pessoas. Se desistíssemos, estaríamos negligenciando os planos de Deus para nossas vidas e, principalmente, para vida daqueles que ouviram/ouvirão as mensagens de nossas canções.

4. Quais são as principais influências da banda?
Gostamos muito de tudo o que é bom (risos), mas, como influências para o nosso som, colocamos alguns seletos: Casting Crowns, Chris Tomlin, Primeira Essência, Novo Som, Quatro por Um, Oficina G3, Paulo César Baruk, entre outros.

5. Como surgiu a ideia para o nome da banda e por que Primeiro Passo?
A ideia surgiu a partir de uma reflexão: para vivermos aquilo que Deus sonhou para nós é necessário darmos o primeiro passo. A partir deste ato, tudo fica mais claro, mais real, mais visível. Enquanto não se tem a coragem de confiar e dar o primeiro passo, tudo ainda estará no campo das possibilidades. Quando tomamos a decisão de acreditar e caminhar, Deus direciona os nossos passos. Queremos dizer a partir deste nome que para tudo na vida é necessário dar o primeiro passo, confiantes de que o que virá depois será pela graça de Deus.


6. Como foi a primeira apresentação oficial da banda? Vocês já começaram cantando músicas autorais ou faziam covers?
Nossa primeira apresentação como Primeiro Passo foi em um evento de uma Igreja amiga aqui em nossa cidade. Logo na primeira apresentação já incluímos canções autorais no repertório. Nós acreditamos ser muito importante utilizar canções que nasceram em nós. Dessa forma, pensamos conseguir expressar melhor nossa verdade, mas, como qualquer banda independente, também tocamos alguns covers.

7. Quando sentiram que era a hora de entrar em estúdio e gravar o primeiro “CD A Força do Teu Amor”?
Foi tudo muito rápido. A Primeiro Passo surgiu em maio de 2010 e em agosto deste mesmo ano já estávamos em estúdio, gravando o A Força do Teu amor. Estávamos ansiosos para poder apresentar às pessoas, em forma de música, aquilo que Deus estava falando e fazendo conosco.

8. Como foi o processo de gravação do álbum e quais foram as experiências no desenvolvimento do projeto?
Foram grandes experiências. Neste período vimos o agir de Deus de uma forma muito clara. Não tínhamos recursos financeiros para iniciarmos as gravações, então, Marlon pegou o seu teclado, comprado a muito custo, e deu ao estúdio como forma de entrada para começarmos a gravar. Além disso, fizemos um sorteio de um aparelho de DVD para arrecadarmos recursos para quitarmos as despesas com o estúdio e demais profissionais envolvidos. Contamos também com a ajuda de muitos amigos queridos que acreditaram em nosso sonho e investiram em nós. Além de nossas Igrejas, que também foram muito importantes neste processo.

9. Quais os principais desafios em se produzir o próprio disco?
São muitos os desafios. Primeiro é a certeza do chamado, pois não é simplesmente ‘gravar um disco’, é ser referência, é influenciar. Para isto, é necessário abrir mão de muitas coisas, muitos outros projetos que, antes, norteavam as nossas vidas. Além disso, a escolha do repertório e do produtor musical é muito importante, pois estes fatores, certamente, farão a diferença nos resultados. Para todos que, como nós, são independentes, a questão financeira é, de longe, um dos maiores desafios. É tudo muito caro, muito dispendioso. É necessário ter paciência, determinação, foco e, sobretudo, certeza de que é Deus quem está na frente.


10. Como foi gravar canções de Anderson Freire que desponta como um dos grandes compositores da música gospel nacional?
O Anderson é um grande amigo. Já o conhecemos e trabalhamos juntos muito antes de tudo o que tem acontecido em seu ministério nos últimos anos. O Marlon, nosso tecladista, já tocou no Vocal Asafe, que, para quem não sabe, foi onde o Anderson e os nossos amigos da, atualmente, Banda Giom iniciaram a carreira. Além da amizade, o Anderson é uma grande referência para nós. Não só de musicalidade, mas de humildade, de fé, de unção. O coração desse nosso amigo é muito grande. Haja vista a sua disponibilidade em nos abençoar com algumas canções que fizeram parte do A Força do Teu Amor. Somos grande admiradores e intercessores do seu ministério.

11. Vocês apontam o Kristian Cavalcanti como um futuro nome forte para o rol de compositores. Como é esse processo na hora de compor e em qual estilo sente mais facilidade na hora de escrever uma canção?
O processo é não ter processo (risos). Não há uma fórmula nem um momento específico. As canções nascem quando Deus quer falar. Em alguns momentos, elas nascem quando paro para compor, outras nascem quando estou dirigindo ou quando estou trabalhando. Ou seja, não existe uma regra nem um padrão. Geralmente, as canções da Primeiro Passo sempre são voltadas para as pessoas. Buscamos atingi-las, alcançá-las com aquilo que Deus quer falar com elas. Nosso objetivo é ser ponte entre Deus e o coração destas pessoas. O estilo que gosto de escrever é o pop rock congregacional, mas este não é o único estilo que componho.


12. Em 2013, a Primeiro Passo deu um enorme salto na carreira a ser um dos finalistas do Festival Novas Promessas, realizada pela Globo Minas. Como foi participar do festival trabalhando ao lado de profissionais de renome como Alex Passos e Jordan Macedo e o que esse momento representou na trajetória de vocês?
Foi uma experiência muito enriquecedora. Nós nos inscrevemos no Festival Nova Promessas sem muitas expectativas, pois moramos no Sul do ES e o festival ocorreria em Belo Horizonte/MG e também porque estávamos em momento de pré-produção do novo disco da banda. Fomos surpreendidos com a notícia de que havíamos passado e que iríamos trabalhar com essa galera. Para nós, foi só alegria. Tivemos a experiência de sermos avaliados por um júri de peso e recebemos muitas dicas que foram muito importantes para alcançarmos o que somos hoje. Infelizmente, não vencemos, mas aprendemos muito e nos tornamos, certamente, músicos e profissionais muito melhores.

Arte e design: Agência Petra
13. Vocês chegam em 2014 com o “CD Um novo dia”. Como iniciaram o projeto?
O projeto do CD Um novo dia iniciou no final de 2012 na escolha do repertório e do estúdio onde iríamos realizar as gravações. Pensávamos em dar continuidade naquilo que iniciamos em A Força do Teu Amor que, para a glória de Deus, abençoou muitas vidas. No entanto, diferentemente do primeiro CD, nosso objetivo era poder mostrar um pouco mais de nossos talentos fazendo um disco totalmente autoral. Dessa forma, embora tivéssemos a possibilidade de gravar canções de muitos amigos chegados, decidimos investir em nós e nas canções que Deus havia nos concedido. Neste momento, já tínhamos algumas canções. Outras foram surgindo durante o processo de gravação.

14. Qual o diferencial deste CD para o anterior?
São muitos. Neste CD investimos no autoral. Todas as canções são de autoria da banda. Em Um novo dia fizemos questão de participarmos de todo o processo de produção musical do disco. Então, muito embora tivéssemos um grande produtor ao nosso lado (Jairo Nascimento), muitos arranjos surgiram a partir das nossas ponderações. Outra diferença muito interessante está na qualidade sonora do disco que agora vem com as gravações de batera à vera. Além destes diferenciais, neste novo CD contamos com a participação do Anderson Freire que gravou uma canção de nossa autoria e também do nosso amigo rapper Malom Meireles.

15. Depois de gravar uma canção de Anderson Freire, como foi ter o cantor participando de uma das faixas do CD e como surgiu essa oportunidade?
Foi muito emocionante. Ter o Anderson participando de um disco nosso é uma grande honra. Foi um grande presente que Deus nos concedeu. O convite surgiu durante alguns bate-papos que sempre tempos quando estamos na mesma cidade ou nos mesmos eventos. O Anderson é um grande amigo e topou na hora sem questionar (risos). Ele nos concedeu essa grande honra de tê-lo cantando conosco uma canção que nasceu em nós. Foi lindo! Temos certeza que muitas vidas serão transformadas a partir desta canção!

16. E como foi contar com a participação do rapper Malom Meireles?
O Malom é um grande amigo e um cara muito talentoso. No momento em que estávamos produzindo o disco, escolhemos uma canção para colocarmos um rap. Logo que definimos a canção já sabíamos que ele era o cara que iria por voz e fazer a participação. Ficamos muito felizes com o resultado. Somos gratos ao Malom por ter aceitado o nosso convite e ter abrilhantado ainda mais esse nosso CD.

17. Quais são as canções que não podem faltar nos shows da Primeiro Passo?
Graças ao nosso bom Deus, o nosso primeiro CD A Força do Teu Amor teve uma aceitação muito bacana do público. Então, canções como Diante das quedas, Vou semear, A Força do Teu Amor e O Melhor de Deus não podem faltar.


18. Qual foi o testemunho mais marcante que vocês ouviram nesses quatro anos de trajetória?
Nossa, são tantos... Deus nos dá o privilégio de sermos usados para abençoar vidas. Deus tem nos usado como instrumentos de transformação, de despertamento, de esperança, de paz... Os testemunhos são muitos, desde pessoas que estavam longe de Deus e que, a partir de refletirem diante de uma de nossas canções se aproximaram dEle, a outras que se sentiram encorajadas a aceitar o chamado que Deus tinha para vida delas. Dentre tantos, gostaríamos de destacar o de uma mulher que nos abordou para dizer que enquanto estávamos ensaiando em uma determinada noite, ela nos ouvia de sua casa. Ela havia perdido seu filho há alguns dias e pedia uma resposta a Deus para aquela dor. Então, ela ouviu as canções que estávamos ensaiando e sentiu como se Deus a estivesse respondendo. Ela nos procurou para nos agradecer e dizer que Deus a confortou através de nossas canções.

19. Além da música vocês também criaram o projeto O PRIMEIRO PASSO PARA A BONDADE. Como surgiu a iniciativa e como tem sido a experiência?
A iniciativa surgiu a partir de vermos a necessidade que muitas famílias de nossa região possuem para se sustentarem. Muitas vivem com pouco recurso e não tem condições de viverem dignamente. Através deste projeto, nós referenciamos uma parte das ofertas que recebemos dos contratantes para abençoarmos estas vidas. Então, visitando a família, nós levamos cestas básicas, remédios, fraldas e demais itens que forem necessários. Tem sido uma experiência marcante para nós. Isto nos aproxima de Deus e nos mostra que precisamos estar firmes no evangelho de genuíno que nosso Jesus ensinou: amar uns aos outros. É uma extensão de nosso ministério, mas é, principalmente, um dever que temos como cristãos.

20. O que o público pode esperar de uma apresentação da Banda Primeiro Passo seja na igreja ou em um evento de rua?
Muita alegria, verdade, comprometimento e dedicação aos propósitos de Deus. Amamos o que fazemos. Amamos falar de Deus, do amor dEle e das maravilhas que ele tem feito em nós. Deus nos escolheu para quebrar paradigmas e para anunciar as boas novas dele por este mundo.


Você pode conhecer mais sobre a Primeiro Passo através do site oficial – www.primeiropassooficial.com – e também pelas redes sociais. Aproveite e conheça também um pouco de cada integrante da banda:







Kristian Cavalcanti (vocalista)
Data de nascimento: 02/06/1990
Igreja: Igreja Batista Nova Jerusalém
Time: Vasco da Gama
Música favorita: Vem me socorrerPalavrantiga
Comida favorita: Empadão de frango
Hobby: Ler








Marlon Costa (tecladista)
Data de nascimento: 09/07/1984
Igreja: Igreja Batista Missionária
Time: Palmeiras
Música favorita: RaridadeAnderson Freire
Comida favorita: Macarronada
Hobby: Voar no simulador de voo





Daniel Portella (guitarrista)
Data de nascimento: 03/01/1989
Igreja: Assembleia de Deus em Itaipava
Time: Corinthians
Música favorita: Um novo diaPrimeiro Passo
Comida favorita: Bife com batata frita
Hobby: Jogar futebol







Luan Gomes (baterista)
Data de nascimento: 01/11/1990
Profissão: Músico
Igreja: Igreja Batista Novo Ser
Time: Vasco da Gama
Música favorita: Meus próprios meiosOficina G3
Comida favorita: Omelete
Hobby: Assistir filmes







Ismael Pain (baixista)
Data de nascimento: 01/10/1986
Igreja: Igreja Batista Monte Horebe
Time: Corinthians
Música favorita: Amor de PaiPrimeiro Passo
Comida favorita: Escondidinho de carne seca
Hobby: Andar de bike

Read more

Renascer Praise realiza sessão especial do “DVD Canto de Sião”

Lançamento do DVD reuniu imprensa, amigos e líderes evangélicos em um shopping da zona sul carioca | Fotos: Divulgação

A noite de 18 de agosto (segunda-feira) foi marcada pelo lançamento do play-back e do DVD Renascer Praise 18 – Canto de Sião que foi realizado no Shopping Leblon, localizado na zona sul do Rio, e que contou com a presença da Bispa Sonia Hernandes (líder do Renascer Praise) e Clovis Pinho, além de outros cantores, pastores da Igreja Renascer em Cristo e representantes da mídia gospel e secular.

Com um pequeno atraso, e com direito a tapete vermelho, a sessão durou cerca de 40 minutos e mostrou qual o tom do DVD. Reconhecido pela versatilidade rítmica e musical, foram apresentadas quatro canções – Canto de Sião, Mil Graus, Cria em Mim e Santo é o Cordeiro. O vídeo contou ainda com a palavra ministrada pelo Apóstolo Estevam Hernandes e o clipe da música Restitui. Ao término da sessão, a líder do Renascer Praise e Clovis Pinho (principal compositor da atual fase do grupo) falaram um pouco sobre a gravação do DVD e a dificultosa e maravilhosa tarefa que é a escolha do repertório.

Público foi recebido com toda pompa com direito a tapete vermelho e tudo

Bispa Sonia ressaltou o fato de a apresentação que deu origem ao DVD foi realizada em complemento à 1ª Marcha pra Jesus em Israel que agora faz parte do calendário oficial anual do Estado. Ela falou ainda sobre a diferença do ambiente encontrado desde o primeiro trabalho gravado em Israel há 14 anos – o Renascer Praise 7 – e relembrou a dificuldade que os cristãos tinham de proferir a fé abertamente e o fato do Renascer Praise ter sido o primeiro grupo a gravar em palco aberto em Israel.

Já Clóvis comentou sobre a qualidade e quantidade de músicas que são compostas para cada projeto do grupo e a felicidade com o lançamento do DVD. O cantor falou também sobre o processo de criação da canção Mil Graus o qual se baseou em uma gíria paulistana – mil grau – que significa que tudo está da melhor maneira possível e no calor do seu estado natal, Bahia.

O DVD Renascer Praise 18 – Canto de Sião contém 16 faixas e o play-back contém 11. Ambos completam o primeiro ciclo da parceria do ministério de louvor com a gravadora Universal Music Christian Group e chegam às lojas no fim deste mês.

Read more

Marcelo Aguiar e Thalles lançam música juntos

Foto: Divulgação
Um dos principais representantes do sertanejo gospel nacional, o cantor Marcelo Aguiar possui uma coleção de sucessos desde o lançamento do primeiro álbum gospel após uma premiada carreira na música secular e na TV. Após se converter em janeiro de 2000, Marcelo foi convidado para participar do projeto Renascer Praise onde participou das edições 07 ao 16.

Em 2001, ele lançou seu primeiro projeto intitulado Eu amo Te amar que teve excelente repercussão nas mídias e lojas pelo país com destaque para a canção Me dá poder de filho. Logo em seguida vieram o CD e DVD Coração Adorador gravado ao vivo em São Paulo. Nos anos seguintes vieram Louvores Inesquecíveis (2006), Grandes Sucessos (2008) e Somente Deus, o primeiro álbum pela gravadora Sony Music lançado em 2011.

Agora, ele vem com uma novidade para este ano ao lançar a canção A volta do filho ao lado do também cantor e amigo Thalles Roberto. “Tive a honra de ter o Thalles comigo na parceria dessa canção. Estivemos juntos em Minas Gerais e pudemos compartilhar do que Deus tem feito em nossas vidas”, disse Marcelo sobre a composição e produção da música que também foi registrada em um vídeo clipe que foi gravado em Minas Gerais e São Paulo, e contou com a participação do Apóstolo Estevam Hernandes. Outras informações sobre o ministério do cantor Marcelo Aguiar, estão disponíveis no site www.marceloaguiar.com.br e em sua página oficial do Facebook – www.facebook.com/MarceloAguiarOficial.


Read more
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fique ligado no que acontece no Gospel No Divã: Siga-nos no Twitter , receba atualizações via RSS ou e-mail .

© 2011 Gospel No Divã - Todos os direitos reservados | Design by Wellington Designer